Ads Top

I Ching, o Livro das Mutações - Livro Primeiro, Hexagrama 35: Chin / Progresso

Imagem de 'Chin / Progresso' - hexagrama número 35, de 64 que fazem parte do I Ching, o Livro das Mutações

Esse texto faz parte da série a respeito do I Ching, o Livro das Mutações, que estamos publicando no blog quinzenalmente. A proposta é apresentar os textos sobre os 64 hexagramas publicados nos livros Primeiro e Terceiro do livro de Richard Wilhelm.

Para entender melhor o que é o I Ching, sugerimos dar uma olhada no post:


Para consultar o índice dos 64 hexagramas, basta acessar:


Cada hexagrama inclui:

  • uma introdução geral, apresentando aspectos básicos do hexagrama;
  • nome do hexagrama (卦名 guàmíng), que por si só já é repleto de simbolismos;
  • texto, também chamado julgamento ou oráculo, que revela em linguagem simbólica o significado do hexagrama e possui poucas frases, tendo a ele sido adicionados comentários e interpretações ao longo dos séculos, a fim de ajudar o leitor a traduzir o ensinamento ancestral;
  • imagem ou símbolo, que apresenta uma mensagem adicional, com um modelo de conduta ou um conselho estratégico para lidar com a situação indicada pelo hexagrama; e
  • os textos das linhas, em número de seis, indicam alternativas ou transformações possíveis das condições retratadas no hexagrama - lembrando que as linhas são contadas de baixo para cima, sendo a linha inferior a primeira.

E isso é basicamente tudo que você precisa saber para continuar. Boa leitura!

Livro Primeiro (o Texto), Hexagrama 35: Chin / Progresso



Este hexagrama representa o sol que se eleva sobre a terra.

É, portanto, o símbolo do progresso rápido e fácil, significando, ao mesmo tempo, uma crescente expansão e clareza.

Julgamento


PROGRESSO: o poderoso príncipe é honrado com grande número de cavalos. Num só dia é recebido em audiência três vezes.

Como exemplo, do progresso descreve-se uma época em que um poderoso senhor feudal reúne os demais senhores em torno do governante num compromisso de lealdade e paz. o governante o presenteia ricamente e o convida a seu círculo mais íntimo.

Isso se refere a duas facetas de uma mesma idéia. O verdadeiro efeito do progresso emana de um homem numa posição dependente, que os outros consideram seu igual, a quem por isso seguem voluntariamente.

Esse líder possui suficiente clareza de visão para não abusar da grande influência que exerce, e sim utilizá-la em benefício do governante. Este, por outro lado, livre de qualquer inveja, presenteia o grande homem com generosidade e o convida constantemente à corte.

Um governante esclarecido e um servo obediente, eis os requisitos para um grande progresso.


Imagem


O sol eleva-se sobre a terra: a imagem do PROGRESSO. Assim, o próprio homem superior ilumina suas evidentes qualidades.

A luz do sol, quando se eleva sobre a terra, é por natureza clara. Mas, quanto mais alto o sol ascende, tanto mais emerge das névoas obscuras, irradiando a pureza primordial de seus raios sobre áreas cada vez mais extensas.

Assim também a verdadeira essência do homem, originalmente pura, é obscurecida pelo contato com a terra, sendo por isso necessária uma purificação para poder brilhar em sua luminosidade original.

Textos das linhas


Sol brilha intensamente, iluminando o caminho: ilustra a seção a respeito dos textos das linhas de ''Chin / Progresso'', um dos 64 hexagramas do I Ching, o Livro das Mutações


Seis na primeira posição significa: progredindo, porém sendo recusado. A perseverança traz boa fortuna. Quando não se encontra confiança, deve-se permanecer calmo. Nenhuma culpa.

Numa época em que tudo induz ao progresso, um homem tem ainda dúvidas se, ao avançar, não será rechaçado. Então, é necessário apenas que continue no caminho correto: isso trará ao final boa fortuna.

Pode ser que não lhe depositem confiança. Neste caso ele não deve tentar conquistar a confiança a qualquer preço e, sim, permanecer calmo e alegre, não se deixando levar pela ira.

Assim ele permanecerá livre de culpa.

Seis na segunda posição significa: progredindo, porém em tristeza. A perseverança traz boa fortuna. Obtém-se, então, uma grande felicidade da parte de sua ancestral.

O progresso é detido. Alguém se encontra impossibilitado de entrar em contato com a autoridade com a qual tem ligações.

Quando isso acontece, é necessário manter-se perseverante, apesar da tristeza, pois o homem de autoridade que foi mencionado, com um carinho maternal, o presenteará com uma grande felicidade.

Esta felicidade lhe advirá - e ela é merecida -, pois esta mútua simpatia não se baseia em motivos egoístas ou facciosos e, sim, em princípios firmes e corretos.



Seis na terceira posição significa: todos estão de acordo. O remorso desaparece.

Um homem se esforça para avançar, associado a outros em cujo apoio encontra incentivo.

Isso põe fim a qualquer sentimento de remorso pelo fato de não se dispor de independência suficiente para vencer sozinho as adversidades.

Nove na quarta posição significa: progresso como o de um roedor. A perseverança provoca perigo.

Em épocas de progresso, é fácil para homens fortes, ocupando posições incorretas, acumular grandes posses. Mas tal conduta obscurece a luz.

E, como épocas de progresso são também épocas em que atitudes duvidosas são sempre descobertas, a perseverança em tal procedimento sempre conduz ao perigo.



Seis na quinta posição significa: o arrependimento desaparece. Não se deixe levar por ganho ou perda. Empreendimentos trazem boa fortuna. Tudo é favorável.

Aqui se descreve a situação de alguém que, em tempos de progresso, apesar de se encontrar numa posição influente, permanece gentil e reservado.

Ele talvez se recrimine por não aproveitar a conjuntura benéfica do momento para obter todas as vantagens possíveis. Mas esse arrependimento desaparece.

Um homem não deve se deixar levar por ganhos ou perdas. Essas são coisas de ordem inferior.

O importante é que ele assegurou para si a possibilidade de exercer uma influência eficaz e benéfica.

Nove na sexta posição significa: progredir com os chifres é lícito apenas quando se vai aplicar o castigo em seu próprio território. Ter consciência do perigo traz boa fortuna. Nenhuma culpa. A perseverança traz humilhação.

Progredir com os chifres, isto é, agir agressivamente numa época como a que aqui se descreve, só é lícito quando se lida com as faltas cometidas por seu próprio povo.

Mesmo assim, se deve estar consciente de que uma atitude agressiva sempre implica em perigo. Com isso um homem pode evitar os erros que, de outro modo, o ameaçariam e alcança sucesso naquilo que se propôs.

Por outro lado, a persistência numa conduta demasiado enérgica, principalmente em relação a estranhos, levará à humilhação.

Depois de tudo

E aqui alcançamos o final do texto sobre o hexagrama Chin / Progresso, da primeira parte do livro I Ching, o Livro das Mutações.

Caso tenha interesse, pode adquirir o livro clicando na imagem a seguir:



Para consultar o índice dos hexagramas, clique:

Próximo hexagrama:
  • 36. Ming I / Obscurecimento da Luz

Hexagrama anterior:


---

Créditos e referências

Ilustrações e fotos creditadas na ordem em que aparecem no post.

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.