I Ching, o Livro das Mutações - Livro Primeiro, Hexagrama 10: Lu / A Conduta (Trilhar)

Imagem de Lu / A Conduta (Trilhar), primeiro dos 64 hexagramas do I Ching, o Livro das Mutações

Esse texto faz parte da série a respeito do I Ching, o Livro das Mutações, que estamos publicando no blog semanalmente. A proposta é apresentar os textos sobre os 64 hexagramas publicados nos livros Primeiro e Terceiro do livro de Richard Wilhelm.

Para entender melhor o que é o I Ching, sugerimos dar uma olhada no post:


Para consultar o índice dos 64 hexagramas, basta acessar:


Conforme aprendemos no post do primeiro link acima, cada hexagrama inclui:

  • nome do hexagrama (卦名 guàmíng), que por si só já é repleto de simbolismos;
  • texto, também chamado julgamento ou oráculo, que revela em linguagem simbólica o significado do hexagrama e possui poucas frases, tendo a ele sido adicionados comentários e interpretações ao longo dos séculos, a fim de para ajudar o leitor a traduzir o ensinamento ancestral;
  • imagem ou símbolo, que apresenta uma mensagem adicional, com um modelo de conduta ou um conselho estratégico para lidar com a situação indicada pelo hexagrama; e
  • Os textos das linhas, em número de seis, indicam alternativas ou transformações possíveis das condições retratadas no hexagrama.

Além disso, antes de entrar nos detalhes acima, há uma espécie de introdução que está identificada como "nota do autor".

E isso é basicamente tudo que você precisa saber para continuar. E boa leitura!

Livro Primeiro (o Texto), Hexagrama 10: Lu / A Conduta (Trilhar)



Nota do autor

A conduta significa, inicialmente, a maneira correta de se comportar. Acima está o céu, o pai; abaixo, o lago, a filha mais moça. Isso mostra a distinção entre alto e baixo; nela se fundamenta a tranqüilidade e a conduta correta na sociedade.

Por outro lado, no sentido de trilhar, Lu significa literalmente "pisar sobre algo". O pequeno e alegre Tui pisa sobre o grande e forte Ch'ien. O movimento dos dois trigramas básicos é ascendente.

O fato de que o forte pise no fraco é pressuposto no Livro das Mutações, não sendo por isso mencionado. O trilhar do fraco sobre o forte não é perigoso aqui, pois isso se dá em meio a uma alegria livre de arrogância, que faz com que o forte não se irrite, tudo aceitando de bom grado.

Julgamento


A conduta.
Trilhando sobre a cauda do tigre.
Ele não morde o homem.
Sucesso.

A situação é realmente difícil.

O mais forte e o mais fraco encontram-se muito próximos um do outro. O fraco segue a trilha do forte e o provoca. Mas o forte o aceita e não lhe causa nenhum mal, pois o contato dá-se de forma alegre e inofensiva.

Em termos de assuntos humanos, isso significa que se está lidando com pessoas selvagens e intratáveis. Neste caso o objetivo será alcançado se a conduta mantiver o decoro.

Atitudes gentis conseguem sucesso mesmo com pessoas irritáveis.



Imagem


Acima, o céu, abaixo, o lago:
a imagem da conduta.
Assim o homem superior discrimina entre o alto e o baixo e fortalece desse modo a mente do povo.

O céu e o lago evidenciam uma diferença de altitude inerente à essência dos dois e que, por isso, não desperta inveja. Assim, também entre os homens há, necessariamente, diferenças de nível.

É impossível chegar a uma igualdade universal. Porém, o que importa é que as diferenças de nível na sociedade humana não sejam arbitrárias e injustas, pois nesse caso a inveja e a luta de classes se seguiriam inevitavelmente.

Se, ao contrário, às diferenças de nível externo corresponderem diferenças de capacidade interna, e o valor interno for o critério para a determinação da hierarquia externa, a tranqüilidade reinará entre os homens e a sociedade encontrará ordem.

Textos das linhas


Tigre agachado, ilustra a seção sobre textos das linhas de Lu / A Conduta (Trilhar), um dos 64 hexagramas do I Ching, o Livro das Mutações


Linha móvel na primeira posição


Nove na primeira posição significa:
Conduta simples. Progresso sem culpa.

Alguém está numa situação em que ainda não assumiu compromissos sociais. Se sua conduta for simples, permanecerá livre deles.

Estando satisfeito e evitando fazer exigências aos outros, ele poderá seguir calmamente suas predileções. O significado desse hexagrama não é estancar, porém seguir adiante.

Alguém se encontra, ao início, numa posição insignificante. Mas possui a força interna que possibilita o progresso. Se ele se contenta com a simplicidade, poderá seguir adiante sem culpas.

Quando um homem está insatisfeito com condições modestas, torna-se inquieto e ambicioso, querendo progredir, não para realizar algo de valor, mas apenas para escapar da pobreza e, ao atingir sua meta, torna-se arrogante e apegado ao luxo. Por isso seu progresso é acompanhado de culpa.

O homem capaz, ao contrário, está satisfeito com sua conduta simples. Ele quer avançar de modo a executar alguma coisa. Uma vez alcançado seu objetivo, algo é realizado e tudo fica bem.

Linha móvel na segunda posição


Nove na segunda posição significa:
Trilhando sobre um caminho plano e simples.
A perseverança de um homem obscuro traz boa fortuna.

Aqui é indicada a situação de um sábio solitário.

Ele mantém-se afastado do turbilhão ruidoso do mundo; nada procura, nada pede, nem se deixa ofuscar por objetivos sedutores. Permanece fiel a si mesmo, e assim segue por um caminho plano, sem ser molestado.

Como está satisfeito com o que tem e não desafia o destino, permanece livre de atribulações.


Linha móvel na terceira posição


Seis na terceira posição significa:
Um homem com uma só vista pode enxergar, um aleijado pode pisar.
Ele pisa na cauda do tigre.
O tigre morde o homem. Infortúnio.
Um guerreiro age assim em favor de seu grande príncipe.

Um homem com uma só vista certamente pode ver, mas não o suficiente para uma visão clara. Um aleijado pode certamente pisar, mas não o suficiente para avançar.

Se alguém com esses defeitos considera-se, entretanto, forte e se expõe ao perigo, provoca seu próprio infortúnio, pois tenta realizar algo que está acima de suas forças.

Esse modo temerário de investir, sem levar em conta suas próprias forças, pode no máximo justificar-se num guerreiro que luta pelo seu príncipe.

Linha móvel na quarta posição


Nove na quarta posição significa:
Ele pisa na cauda do tigre.
Cautela e circunspecção conduzem, ao final, à boa fortuna.

Isso se refere a um empreendimento perigoso. Existe a força interior necessária para realizá-lo, porém esse poder interno está aliado a uma cautela hesitante nas atitudes externas.

Essa linha contrasta com a anterior, na qual havia fraqueza interna forçando o avanço externo.

Aqui, o sucesso final está assegurado. Esse consiste em realizar o seu propósito, isto é, ultrapassar o perigo seguindo adiante.


Linha móvel na quinta posição


Nove na quinta posição significa:
Conduta decidida.
Perseverança com consciência do perigo.

Aqui está o dirigente do hexagrama como um todo. Alguém se vê forçado a uma conduta decidida.

Mas ao mesmo tempo é necessário permanecer consciente do perigo inerente a tal atitude, em especial quando ela deve ser prolongada. Só a consciência do perigo possibilita o sucesso.

Linha móvel na sexta posição


Nove na sexta posição significa:
Contemple sua conduta e examine os sinais favoráveis.
Quando tudo estive completo, virá suprema boa fortuna.

O trabalho terminou.

Se o homem quiser saber se a boa fortuna se seguirá, deve então olhar para trás, para sua conduta e para as conseqüências dela advindas. Se os resultados forem bons, a boa fortuna é certa.

Ninguém conhece a si próprio. Só pelas conseqüências de suas ações, pelos frutos de seu trabalho, poderá o homem avaliar o que o espera.

Depois de tudo

E aqui alcançamos o final do texto sobre o hexagrama Lu / A Conduta (Trilhar), da primeira parte do livro I Ching, o Livro das Mutações.

Caso tenha interesse, pode adquirir o livro clicando na imagem a seguir:



Para consultar o índice dos hexagramas, clique:


Próximo hexagrama:
  • 11. T'ai / Paz

Hexagrama anterior:


---

Créditos e referências

Ilustrações e fotos creditadas na ordem em que aparecem no post.

Nenhum comentário :

Postar um comentário

Escreva um comentário aí em baixo para o mundo saber o que você achou do post ou do blog. Se preferir, compartilhe o post e nos siga no Facebook ou no Google Plus.