Guerreiros de terracota, a grande muralha, montanhas e campos amarelos nas fotos do mês


Foto de máquina fotogáfica com lente da Canon

Há um mês começamos esta série de posts com fotos da China, de hoje e de ontem, e sabe que já estou curtindo muito editar e publicar esse negócio?

Tenho juntado um monte de foto muito bacana - algumas simplesmente fantásticas, outras "marromeno", quase todas dignas de merecer um lugar ao sol.

E enquanto o livro a respeito de Sun Tzu, o autor d'A Arte da Guerra, está sendo lentamente gestado, vem comigo apreciar mais algumas imagens do Reino do Meio.

Hoje temos basicamente paisagens e clichês:

  • Montanha Amarela;
  • Campos de canola;
  • Guerreiros de Terracota; e
  • Grande Muralha da China.

E pode comentar à vontade lá embaixo.

Montanha Amarela (Huangshan)

Dá só uma olhada no que o pessoal do Epoch Times escreve a respeito dela:

São quase 80 picos com mais de 1000 metros de altura; na realidade a Montanha Amarela é uma cadeia de montanhas e vales. Na China, ela se destaca como sendo: “a Montanha número um abaixo do Céu”.  Também é admirada por seus pinheiros de aparência singular, por suas grandes pedras que formam piscinas naturais, por suas quedas d’águas e nuvens que parecem algodão.  O ambiente onírico da montanha, certamente invoca as imagens da mais tradicional arte chinesa.




Campos de canola

Lá no Hypeness você encontra o texto a seguir, sobre mais essa maravilha da China:

Durante a primavera, a região de Luoping, na China, se transforma numa espécie de oceano amarelo de flores, num cenário que parece vir de outro planeta. Fotógrafos de todo o mundo aproveitam a ocasião para capturar a beleza deste espetáculo natural, com colinas envolvidas por um amarelo brilhante e a perder de vista.



Guerreiros (ou Soldados) de Terracota

Já no primeiro parágrafo, Haroldo Castro sintetiza a importância do exército de Xi'an:

Percorrer cemitérios não é meu forte, mas o fato é que o imperador chinês Qin Shihuangdi edificou uma tumba que entrou para a história. Seu túmulo é tão importante como as Pirâmides de Giza e o Taj Mahal.




Grande Muralha da China

Mais uma obra que tem o dedo de Qin Shihuangdi, como podemos comprovar ao ler o texto da Mundo Estranho:

Por 1900 anos, os chineses ergueram muros para se proteger das invasões dos povos do norte. As primeiras barreiras surgiram antes da unificação do império, em 221 a.C. Ao transformar sete reinos em um país, o imperador Qin Shihuangdi (259-210 a.C.) começou a unificar a muralha, ampliada nas dinastias seguintes.



Click final

Como já deixei claro no primeiro post desta série, teremos sempre quatro fotos por publicação, uma para cada semana do mês.

Além disso, você não verá na série os créditos ao final - como tenho feito nos textos regulares (veja um exemplo aqui no texto sobre os Tian Wan). No entanto, em se tratando de pins do Pinterest, você sempre pode seguir a foto até encontrar a origem e (com alguma sorte) o autor.

A exceção a respeito dos créditos irá para a foto de abertura, que a princípio será sempre de um tema relacionado à arte de fotografar.

Espero que tenha gostado e aguarde poucas e boas para o próximo mês.

Aliás, qual delas você achou melhor?

Claro que eu gostaria de saber da sua opinião nos comentários. Sinta-se à vontade para queimar o filme (ou não). 

Zài Jiàn!

Crédito da imagem de abertura

3 comentários :

  1. Adorei a dos campos de canola. Nunca fui nesse local e acabei de inserir na minha wish list para o feriado de maio...rs Primavera na China.
    Os outros locais já fui. Mas nas montanhas amarelas minha visita foi no inverno... cenário deslumbrante também.
    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caramba, Christine. Tenho visto cada foto espetacular, que dá vontade de passar uns bons 12 meses aí só conhecendo os lugares.

      Depois me conta da visita aos campos de canola.

      Abraço!

      Excluir

Escreva um comentário aí em baixo para o mundo saber o que você achou do post ou do blog. Se preferir, compartilhe o post e nos siga no Facebook ou no Google Plus.